Newsletter Compreingressos

Seja o primeiro a conhecer nossa programação de espetáculos, novidades, promoções e ofertas exclusivas

seu estado

  • AC
  • AL
  • AP
  • AM
  • BA
  • CE
  • DF
  • ES
  • GO
  • MA
  • MT
  • MS
  • MG
  • PA
  • PB
  • PR
  • PE
  • PI
  • RJ
  • RN
  • RS
  • RO
  • RR
  • SC
  • SP
  • SE
  • TO
cadastrar
Cidade
Gênero
X
Infantil L 70 min R$ 15,00 a R$ 30,00

O Mundo Imaginário

Endereço

Praça IV Centenário, s/n
Centro - Santo André - SP

ver google maps

Compre pelo telefone de segunda a sábado das 11h às 19h

(11) 2122-4001

Temporada

Domingo 17h

11 de Junho de 2017

Ingressos

R$ 15,00 a R$ 30,00

Promoção Itaucard

50% de desconto para clientes Itaucard.

Promoção pessoal e intransferível para o titular do cartão na compra de um ingresso inteiro. Válido somente para 1 apresentação do espetáculo, mediante pagamento com cartões participantes da promoção.

Descontos

50% para pessoas de idade igual ou superior a 60 anos.
50% para estudantes.

Valores

R$ 30,00 inteira
R$ 15,00 meia

O Mundo Imaginário é um espetáculo de teatro musical que resgata o encantamento da criança, seu universo e fantasias, que lembra o cheiro de terra, de bolo quente da mãe, fila de formigas construindo um micro universo, o brilho de bolha de sabão e o vento sussurrando, lembrando a pais e filhos que é possível ser feliz com coisas simples.

A partir da construção de texto e composições inéditas, Beto Paschoal e Lais Böker dividem o palco, trazendo o brilho de quem sabe preservar em si a vívida espontaneidade e alegria do teatro. É um musical escrito para crianças, mas que também aos adultos que poderão resgatar dentro de si sua criança adormecida.

A direção cênica é assinada por Ana Paula Navarro construindo uma carpintaria dramatúrgica que dará colorido poético ao espetáculo, entrelaçando os diálogos às melodias, alinhando idéias e permeando sentidos. Transitando entre temas do universo infantil, o espetáculo teatral aponta a necessidade, hoje inadiável, de cuidarmos do Planeta Terra com mais consciência e cooperação.

Beto Paschoal (autor e artista) - Estudou música com os maestros Nelson Ayres, Amilson Godoy, Manzo e outros, na Fundação das Artes de São Caetano do Sul. Juntamente com o grupo Fruto da Terra gravou 3 discos e compôs temas das mini-séries Globais ""Obrigado Doutor"", protagonizado por Francisco Cuoco e ""Sampa"" de Gianfrancesco Guarnieri, com as músicas Homem do Campo e Tudo é Azul. É parceiro do acadêmico Paulo Bonfim na criação do Hino dos Magistrados de São Paulo. Em parceria com o Fruto da Terra, criou comerciais e vinhetas para empresas como: Rede Bandeirantes, Rede Globo, Jovem Pan, Transamérica e outras. Trabalhou como maestro coralista nos colégios Rio Branco, São José, Sagrada Família e Santa Catarina, todos na grande São Paulo, e escolas estaduais como trabalho voluntário. Dividiu palcos com Ivan Lins, João Bosco, Jair Rodrigues, Dominguinhos, Agnaldo Rayol e outros. Participou como cantor do grupo teatral Oficina dos Menestréis, nas peças "" Dança dos Signos"" e ""O Vale Encantado"". Faz trabalhos beneficentes apresentando espetáculos de teatro em creches, casas assistenciais, incluindo a trupe dos ""Doutores da Alegria"". É compositor e cantor no projeto ""Um Canto de Esperança"", musical feito com os índios Kariri Xocó.

Lais Böker (artista) - Pedagoga estudou canto com Beto Paschoal e foi sua assistente coralista em colégios como Rio Branco, ESI São José, Sagrada Família e Santa Catarina. Educadora de grande experiência com crianças tem desenvolvido sua capacidade criativa e lúdica em trabalhos de arte-educação. Participou do grupo ""Oficina dos Menestréis"" como cantora nas peças teatrais ""Dança dos Signos"" e ""Aldeia dos Ventos"". Grava jingles e comerciais, além de ser back vocal nas produções fonográficas do Estúdio Fruto da Terra. Juntamente com Beto Paschoal, Faz trabalhos beneficentes apresentando espetáculos de teatro em creches e casas assistenciais. Participa como cantora do espetáculo ""Um Canto de Esperança"


O Mundo Imaginário - síntese
Musical cênico infantil, com o propósito de dar a oportunidade a
crianças de 3 a 10 anos, da rede pública de ensino, de baixa renda e
com pouco acesso ao teatro, vivenciarem apresentações lúdicas
voltadas à conscientização sobre a importância de preservarmos
nosso Planeta.
Através de canções originais, em diversos ritmos e gêneros
musicais, são contadas histórias que enfatizam a cooperação, o
respeito ao planeta, com seus animais e florestas, de modo a sinalizar
os caminhos para a construção do mundo que queremos deixar para
nossos filhos.
Serão 36 apresentações, com opções na parte da manhã e a
tarde para as escolas, a serem realizados em cidades da região
metropolitana de São Paulo, com alternativas de modificação.
O espetáculo é composto por dois protagonistas - Beto Paschoal
e Lais Böker e equipe de staff que encenam e cantam 10 canções
originais, em um ambiente de interatividade com o público e um
cenário ambientado na natureza.
Histórico e Justificativa do projeto
Há Oito anos, a dupla Beto Paschoal e Lais Böker realizam
Musicais Cênicos Infantis em escolas particulares, principalmente na
cidade de São Paulo e grande ABC.
Contudo, há alguns anos, com resultados tão positivos e adesão
junto às crianças, diversas escolas da rede pública de ensino
(municipais e estaduais) passaram a procurá-los.
Por muito tempo, realizaram diversos trabalhos voluntários, em
que as escolas particulares subsidiavam as públicas. Mas, mesmo
assim não conseguiam atender essa demanda.
O projeto surge para atender as crianças dando-lhes acesso à
cultura e conhecimento ambiental.

Público atendido e alcance
- Crianças da rede pública de ensino. - Idade entre 3 e 10 anos. -
Preferência por regiões e bairros com pouco acesso a cultura -
Estimamos com as 36 apresentações beneficiar aproximadamente
15.000 crianças.

*Sinopse sob total responsabilidade da produção do evento.

Infantil L 70 min

O Mundo Imaginário

Teatro Municipal de Santo André

Centro - Santo André - SP

O Mundo Imaginário é um espetáculo de teatro musical que resgata o encantamento da criança, seu universo e fantasias, que lembra o cheiro de terra, de bolo quente da mãe, fila de formigas construindo um micro universo, o brilho de bolha de sabão e o vento sussurrando, lembrando a pais e filhos que é possível ser feliz com coisas simples.

A partir da construção de texto e composições inéditas, Beto Paschoal e Lais Böker dividem o palco, trazendo o brilho de quem sabe preservar em si a vívida espontaneidade e alegria do teatro. É um musical escrito para crianças, mas que também aos adultos que poderão resgatar dentro de si sua criança adormecida.

A direção cênica é assinada por Ana Paula Navarro construindo uma carpintaria dramatúrgica que dará colorido poético ao espetáculo, entrelaçando os diálogos às melodias, alinhando idéias e permeando sentidos. Transitando entre temas do universo infantil, o espetáculo teatral aponta a necessidade, hoje inadiável, de cuidarmos do Planeta Terra com mais consciência e cooperação.

Beto Paschoal (autor e artista) - Estudou música com os maestros Nelson Ayres, Amilson Godoy, Manzo e outros, na Fundação das Artes de São Caetano do Sul. Juntamente com o grupo Fruto da Terra gravou 3 discos e compôs temas das mini-séries Globais ""Obrigado Doutor"", protagonizado por Francisco Cuoco e ""Sampa"" de Gianfrancesco Guarnieri, com as músicas Homem do Campo e Tudo é Azul. É parceiro do acadêmico Paulo Bonfim na criação do Hino dos Magistrados de São Paulo. Em parceria com o Fruto da Terra, criou comerciais e vinhetas para empresas como: Rede Bandeirantes, Rede Globo, Jovem Pan, Transamérica e outras. Trabalhou como maestro coralista nos colégios Rio Branco, São José, Sagrada Família e Santa Catarina, todos na grande São Paulo, e escolas estaduais como trabalho voluntário. Dividiu palcos com Ivan Lins, João Bosco, Jair Rodrigues, Dominguinhos, Agnaldo Rayol e outros. Participou como cantor do grupo teatral Oficina dos Menestréis, nas peças "" Dança dos Signos"" e ""O Vale Encantado"". Faz trabalhos beneficentes apresentando espetáculos de teatro em creches, casas assistenciais, incluindo a trupe dos ""Doutores da Alegria"". É compositor e cantor no projeto ""Um Canto de Esperança"", musical feito com os índios Kariri Xocó.

Lais Böker (artista) - Pedagoga estudou canto com Beto Paschoal e foi sua assistente coralista em colégios como Rio Branco, ESI São José, Sagrada Família e Santa Catarina. Educadora de grande experiência com crianças tem desenvolvido sua capacidade criativa e lúdica em trabalhos de arte-educação. Participou do grupo ""Oficina dos Menestréis"" como cantora nas peças teatrais ""Dança dos Signos"" e ""Aldeia dos Ventos"". Grava jingles e comerciais, além de ser back vocal nas produções fonográficas do Estúdio Fruto da Terra. Juntamente com Beto Paschoal, Faz trabalhos beneficentes apresentando espetáculos de teatro em creches e casas assistenciais. Participa como cantora do espetáculo ""Um Canto de Esperança"


O Mundo Imaginário - síntese
Musical cênico infantil, com o propósito de dar a oportunidade a
crianças de 3 a 10 anos, da rede pública de ensino, de baixa renda e
com pouco acesso ao teatro, vivenciarem apresentações lúdicas
voltadas à conscientização sobre a importância de preservarmos
nosso Planeta.
Através de canções originais, em diversos ritmos e gêneros
musicais, são contadas histórias que enfatizam a cooperação, o
respeito ao planeta, com seus animais e florestas, de modo a sinalizar
os caminhos para a construção do mundo que queremos deixar para
nossos filhos.
Serão 36 apresentações, com opções na parte da manhã e a
tarde para as escolas, a serem realizados em cidades da região
metropolitana de São Paulo, com alternativas de modificação.
O espetáculo é composto por dois protagonistas - Beto Paschoal
e Lais Böker e equipe de staff que encenam e cantam 10 canções
originais, em um ambiente de interatividade com o público e um
cenário ambientado na natureza.
Histórico e Justificativa do projeto
Há Oito anos, a dupla Beto Paschoal e Lais Böker realizam
Musicais Cênicos Infantis em escolas particulares, principalmente na
cidade de São Paulo e grande ABC.
Contudo, há alguns anos, com resultados tão positivos e adesão
junto às crianças, diversas escolas da rede pública de ensino
(municipais e estaduais) passaram a procurá-los.
Por muito tempo, realizaram diversos trabalhos voluntários, em
que as escolas particulares subsidiavam as públicas. Mas, mesmo
assim não conseguiam atender essa demanda.
O projeto surge para atender as crianças dando-lhes acesso à
cultura e conhecimento ambiental.

Público atendido e alcance
- Crianças da rede pública de ensino. - Idade entre 3 e 10 anos. -
Preferência por regiões e bairros com pouco acesso a cultura -
Estimamos com as 36 apresentações beneficiar aproximadamente
15.000 crianças.