Newsletter Compreingressos

Seja o primeiro a conhecer nossa programação de espetáculos, novidades, promoções e ofertas exclusivas

seu estado

  • AC
  • AL
  • AP
  • AM
  • BA
  • CE
  • DF
  • ES
  • GO
  • MA
  • MT
  • MS
  • MG
  • PA
  • PB
  • PR
  • PE
  • PI
  • RJ
  • RN
  • RS
  • RO
  • RR
  • SC
  • SP
  • SE
  • TO
cadastrar
Cidade
Gênero
X
Show L 60 min R$ 30,00

Júlia Rocha
Cheiro de Flor

Endereço

R. da Bahia, 2244
Lourdes - Belo Horizonte - MG

ver google maps

Compre pelo telefone de segunda a sábado das 11h às 19h

(31) 2626-1015

Temporada

Quinta 21h

25 de Maio de 2017

Ingressos

R$ 30,00

Descontos

50% para pessoas de idade igual ou superior a 60 anos.
50% para estudantes.
25% para clientes Bradesco.
15% para sócio do Minas Tênis Clube.

Valores

R$ 30,00 inteira
R$ 15,00 meia

A cantora mineira Júlia Rocha adotou o samba como seu “segundo idioma”. Amante do gênero genuinamente brasileiro, construiu sua musicalidade ao som do violão e do cavaquinho, sempre imprimindo sua personalidade em cada interpretação. Dormindo pouco e trabalhando muito, Júlia divide seu tempo e seu coração entre duas atividades que se completam: a música e a medicina.
Como cantora, segue na estrada fazendo sua arte chegar cada vez mais longe. Em 2016, ainda vivendo a repercussão positiva por sua apresentação no programa The Voice Brasil, ousou mudar-se de mala e cuia para a cidade do samba. Ela e o seu companheiro de estrada, Átila Souza, aceitaram o desafio e foram, como gostam de dizer, “aprender com os mestres” e beber da fonte do samba de raiz na cidade maravilhosa.
Sua segunda e não menos importante profissão, a de médica de família e comunidade, também trouxe a ela uma grande e importante visibilidade. A cantora ficou conhecida nacionalmente graças a seus textos postados em redes sociais sobre os encontros com seus pacientes. De forma simples e acessível, Júlia habituou-se a contar suas histórias de consultas tentando estampar a humanidade e a beleza que existe por trás de cada pessoa. Hoje, são mais de 130 mil seguidores que espalham essas histórias pelo país. As histórias vão virar livro em outubro deste ano através de uma editora carioca.
No final de 2016, com a cara, a coragem e o apoio dos fãs que a seguem nas redes sociais, Júlia deu um salto em direção a consolidação deste início de carreira. Partiu para a produção do seu primeiro disco de forma independente. Financiamento coletivo, investimento próprio e lá se via mais um sonho sendo realizado! Saindo do forno, o CD traz 14 músicas (entre sambas autorais e de compositores ainda desconhecidos do grande público) sendo, uma delas, uma bonus track dedicada a filha da cantora, Gabriela, gestada junto com o cd.
A roda de samba que comanda em Belo Horizonte já é um sucesso desde a primeira edição. O evento acontece sempre no primeiro sábado depois do quinto dia útil, que é o dia do pagamento da maior parte dos trabalhadores. Por isso, o bem humorado nome “Samba do Pagamento” pegou. No repertório, os ícones do samba brasileiro dividem espaço com músicas autorais. Sim, a cantora é também compositora e as parcerias com seus amigos e músicos baianos Fabiano Lie e Marília Sodré geraram lindas canções.

*Sinopse sob total responsabilidade da produção do evento.

Show L 60 min

Júlia Rocha Cheiro de Flor

Teatro Bradesco BH

Lourdes - Belo Horizonte - MG

A cantora mineira Júlia Rocha adotou o samba como seu “segundo idioma”. Amante do gênero genuinamente brasileiro, construiu sua musicalidade ao som do violão e do cavaquinho, sempre imprimindo sua personalidade em cada interpretação. Dormindo pouco e trabalhando muito, Júlia divide seu tempo e seu coração entre duas atividades que se completam: a música e a medicina.
Como cantora, segue na estrada fazendo sua arte chegar cada vez mais longe. Em 2016, ainda vivendo a repercussão positiva por sua apresentação no programa The Voice Brasil, ousou mudar-se de mala e cuia para a cidade do samba. Ela e o seu companheiro de estrada, Átila Souza, aceitaram o desafio e foram, como gostam de dizer, “aprender com os mestres” e beber da fonte do samba de raiz na cidade maravilhosa.
Sua segunda e não menos importante profissão, a de médica de família e comunidade, também trouxe a ela uma grande e importante visibilidade. A cantora ficou conhecida nacionalmente graças a seus textos postados em redes sociais sobre os encontros com seus pacientes. De forma simples e acessível, Júlia habituou-se a contar suas histórias de consultas tentando estampar a humanidade e a beleza que existe por trás de cada pessoa. Hoje, são mais de 130 mil seguidores que espalham essas histórias pelo país. As histórias vão virar livro em outubro deste ano através de uma editora carioca.
No final de 2016, com a cara, a coragem e o apoio dos fãs que a seguem nas redes sociais, Júlia deu um salto em direção a consolidação deste início de carreira. Partiu para a produção do seu primeiro disco de forma independente. Financiamento coletivo, investimento próprio e lá se via mais um sonho sendo realizado! Saindo do forno, o CD traz 14 músicas (entre sambas autorais e de compositores ainda desconhecidos do grande público) sendo, uma delas, uma bonus track dedicada a filha da cantora, Gabriela, gestada junto com o cd.
A roda de samba que comanda em Belo Horizonte já é um sucesso desde a primeira edição. O evento acontece sempre no primeiro sábado depois do quinto dia útil, que é o dia do pagamento da maior parte dos trabalhadores. Por isso, o bem humorado nome “Samba do Pagamento” pegou. No repertório, os ícones do samba brasileiro dividem espaço com músicas autorais. Sim, a cantora é também compositora e as parcerias com seus amigos e músicos baianos Fabiano Lie e Marília Sodré geraram lindas canções.