Newsletter Compreingressos

Seja o primeiro a conhecer nossa programação de espetáculos, novidades, promoções e ofertas exclusivas

seu estado

  • AC
  • AL
  • AP
  • AM
  • BA
  • CE
  • DF
  • ES
  • GO
  • MA
  • MT
  • MS
  • MG
  • PR
  • PB
  • PR
  • PE
  • PI
  • RJ
  • RN
  • RS
  • RO
  • RR
  • SC
  • SP
  • SE
  • TO
cadastrar
Cidade
Gênero
X
Comédia 14 R$ 50,00

A Bofetada

Endereço

Av. Tancredo Neves, 1.109 (Edifício Casa do Comércio)
Pituba - Salvador - BA

ver google maps

Compre pelo telefone de segunda a sábado das 11h às 19h

(71) 2626-0032

Temporada

Sábados 21h e Domingos 20h

07 de Janeiro a 26 de Março de 2017

Ingressos

R$ 50,00

Descontos

50% para pessoas de idade igual ou superior a 60 anos.
50% para estudantes.
49% para assinantes do clube correio
20% para comerciários

Valores

R$ 50,00 - inteira
R$ 25,00 - meia
* A MEIA ENTRADA só terá validade com a apresentação da Carteira de Identificação Estudantil conforme modelo. CLIQUE AQUI

Ficha Técnica

Textos adaptados de: Mauro Rasi, Miguel Magno e Ricardo de Almeida
Elenco: Lelo Filho, Diogo Lopes Filho, Mário Bezerra e Marcos Barretto
Direção: Lelo Filho
Diretor Assistente: Odilon Henriques
Concepção Original: Fernando Guerreiro
Cenografia e Figurino: Eugênio Luiz e Miro Paternostro
Produção Executiva: Marcos Motta
Iluminação,Camarim,Contrarregra e Sonoplasta: Marcos Motta, Márcia Valério e Luis Cláudio

A partir do dia 7 janeiro de 2017, a Cia Baiana de Patifaria inicia as comemorações de seus 30 anos nos palcos. A trupe reúne um teatro de repertório que soma 8 espetáculos (Abafabanca, A Bofetada, Noviças Rebeldes, 3 em 1, A Vaca Lelé, Capitães da Areia, Siricotico uma comédia do balacobaco e Fora da Ordem), tendo trabalhado com alguns dos mais importantes diretores na Bahia, como Fernando Guerreiro, Luiz Marfuz, Paulo Dourado, Fernanda Paquelet e um dos maiores nomes do teatro musical no país, o diretor Wolf Maya, que dirigiu Noviças Rebeldes.

Nenhum espetáculo ganhou mais sucesso do que A BOFETADA, que estreou em 1988 e continua lotando teatros sempre que está em cena. Na Temporada de Verão 2017, entre 7 de janeiro e 19 de fevereiro, no Teatro SESC Casa do Comércio, A BOFETADA terá sessões aos sábados às 21h e aos domingos às 20h.

A BOFETADA – uma grande homenagem ao universo do teatro
Era novembro de 1988 quando A BOFETADA estreou, na pequena Sala do Coro do Teatro Castro Alves, alterando a frequência do público que passou a lotar os teatros para ver artistas locais em cena. De lá pra cá, o espetáculo já percorreu mais de 50 cidades de norte a sul do país com diferentes formações de elencos. No total, 17 atores já interpretaram os personagens criados por Mauro Rasi, Miguel Magno e Ricardo de Almeida, três autores paulistas do chamado ‘teatro besteirol’.

Como nenhum espetáculo ou temporada são iguais, a trupe já prepara as novidades para a nova temporada. Personagens tão queridos do público como Fanta Maria, Pandora, Eleonora, Vânia, Dirce, Camilinha, Helena, Araci, Paloma, Marivaldo e a Rainha, são interpretados por Diogo Lopes Filho, Mario Bezerra, Marcos Barretto e Lelo Filho, que também assina a direção, juntamente com o diretor assistente Odilon Henriques. A concepção original é de Fernando Guerreiro. Os três esquetes que compõem o espetáculo são de Mauro Rasi, Miguel Magno e Ricardo de Almeida.


COMPANHIA BAIANA DE PATIFARIA – um breve histórico

Com 30 anos nos palcos e 8 montagens no repertório, quando a Cia Baiana de Patifaria partiu para sua primeira turnê nacional entre o Rio de Janeiro e São Paulo, em 1991, uma boa definição de seu trabalho foi feita por um jornalista do Jornal O Estado de São Paulo: “Patifaria, na Bahia, não quer dizer desaforo ou pouca vergonha. Significa também, brincadeira exagerada, que passa da conta”. Brincadeira cênica aliada a muito trabalho nos bastidores e uma profunda pesquisa sobre diferentes estilos de comédias. As temporadas da trupe já aconteceram em alguns dos mais importantes teatros do país: quase todas as casas de espetáculos de Salvador, em São Paulo nos Teatros Bixiga, Mambembe, Cultura Artística, Bibi Ferreira e Imprensa, no Rio de Janeiro no Teatro Ipanema, Teatro Leblon, Teatro dos Quatro, Teatro João Caetano, Teatro das Artes, Teatro Carlos Gomes, em Brasília na Sala Vila Lobos do Teatro Nacional, em Porto Alegre no Teatro São Pedro, em Curitiba no Teatro Guaíra, dentre outros. Em 1997, a comédia musical “Noviças Rebeldes”, dirigida por Wolf Maya, foi apresentada por 2 semanas no St Clement Theatre, em Nova York.

*Sinopse sob total responsabilidade da produção do evento.

A Bofetada

Teatro Sesc Casa do Comércio

Pituba - Salvador - BA

A partir do dia 7 janeiro de 2017, a Cia Baiana de Patifaria inicia as comemorações de seus 30 anos nos palcos. A trupe reúne um teatro de repertório que soma 8 espetáculos (Abafabanca, A Bofetada, Noviças Rebeldes, 3 em 1, A Vaca Lelé, Capitães da Areia, Siricotico uma comédia do balacobaco e Fora da Ordem), tendo trabalhado com alguns dos mais importantes diretores na Bahia, como Fernando Guerreiro, Luiz Marfuz, Paulo Dourado, Fernanda Paquelet e um dos maiores nomes do teatro musical no país, o diretor Wolf Maya, que dirigiu Noviças Rebeldes.

Nenhum espetáculo ganhou mais sucesso do que A BOFETADA, que estreou em 1988 e continua lotando teatros sempre que está em cena. Na Temporada de Verão 2017, entre 7 de janeiro e 19 de fevereiro, no Teatro SESC Casa do Comércio, A BOFETADA terá sessões aos sábados às 21h e aos domingos às 20h.

A BOFETADA – uma grande homenagem ao universo do teatro
Era novembro de 1988 quando A BOFETADA estreou, na pequena Sala do Coro do Teatro Castro Alves, alterando a frequência do público que passou a lotar os teatros para ver artistas locais em cena. De lá pra cá, o espetáculo já percorreu mais de 50 cidades de norte a sul do país com diferentes formações de elencos. No total, 17 atores já interpretaram os personagens criados por Mauro Rasi, Miguel Magno e Ricardo de Almeida, três autores paulistas do chamado ‘teatro besteirol’.

Como nenhum espetáculo ou temporada são iguais, a trupe já prepara as novidades para a nova temporada. Personagens tão queridos do público como Fanta Maria, Pandora, Eleonora, Vânia, Dirce, Camilinha, Helena, Araci, Paloma, Marivaldo e a Rainha, são interpretados por Diogo Lopes Filho, Mario Bezerra, Marcos Barretto e Lelo Filho, que também assina a direção, juntamente com o diretor assistente Odilon Henriques. A concepção original é de Fernando Guerreiro. Os três esquetes que compõem o espetáculo são de Mauro Rasi, Miguel Magno e Ricardo de Almeida.


COMPANHIA BAIANA DE PATIFARIA – um breve histórico

Com 30 anos nos palcos e 8 montagens no repertório, quando a Cia Baiana de Patifaria partiu para sua primeira turnê nacional entre o Rio de Janeiro e São Paulo, em 1991, uma boa definição de seu trabalho foi feita por um jornalista do Jornal O Estado de São Paulo: “Patifaria, na Bahia, não quer dizer desaforo ou pouca vergonha. Significa também, brincadeira exagerada, que passa da conta”. Brincadeira cênica aliada a muito trabalho nos bastidores e uma profunda pesquisa sobre diferentes estilos de comédias. As temporadas da trupe já aconteceram em alguns dos mais importantes teatros do país: quase todas as casas de espetáculos de Salvador, em São Paulo nos Teatros Bixiga, Mambembe, Cultura Artística, Bibi Ferreira e Imprensa, no Rio de Janeiro no Teatro Ipanema, Teatro Leblon, Teatro dos Quatro, Teatro João Caetano, Teatro das Artes, Teatro Carlos Gomes, em Brasília na Sala Vila Lobos do Teatro Nacional, em Porto Alegre no Teatro São Pedro, em Curitiba no Teatro Guaíra, dentre outros. Em 1997, a comédia musical “Noviças Rebeldes”, dirigida por Wolf Maya, foi apresentada por 2 semanas no St Clement Theatre, em Nova York.